quarta-feira, 21 de janeiro de 2015

Aspargo

Agora espero austero o contorno do relógio. Nas marcas o ponteiro, na memória uma história.
O ângulo de noventa graus reinventa o anseio por novos tempos.

A relva calma enraivece a alma alucinada, que nada vê, agitada quer o fim dos seus opostos, quer um mundo só, mudo aos diferentes.

"Out of the ashes of my youth I rise a man."